Benefícios do gengibre

benefícios do gengibre

Gengibre é comumente usado para vários tipos de “problemas estomacais“, incluindo enjôo, enjoo matinal, cólicas, dores de estômago, gases, diarréia, síndrome do intestino irritável, náuseas, náuseas causadas por câncer, náuseas causadas por tratamento de HIV / AIDS, náuseas e vômitos após a cirurgia, bem como perda de apetite.

Outros usos incluem o alívio da dor da artrite reumatóide (AR), osteoartrite, dor menstrual e outras condições. No entanto, não há fortes evidências para apoiar o uso do gengibre nessas condições.

Há uma série de benefícios atribuídos ao gengibre em vários sites de saúde e bem-estar. Abaixo listamos os principais benefícios atribuidos ao gengibre e analisamos se há evidências científicas publicadas por instituições de alta reputação que suportem cada um desses benefícios, assim como os riscos associados ao seu consumo. Também sugerimos as formas mais saudáveis para o consumo do gengibre.

Evitamos usar como fontes as publicações e os sites das associações de produtores de gengibre ou de produtos correlatos, já que estes têm um claro incentivo à divulgação de pesquisas que sejam favoráveis ao consumo de gengibre.

BENEFÍCIOS DO GENGIBRE


Gengibre ajuda a tratar náuseas e enjôos?

O gengibre parece ser altamente eficaz contra náuseas. Vários estudos apontaram sua eficácia no tratamento de náusea e vômitos. Um estudo foi encontrado para cada uma das seguintes condições: enjôo, enjôo matinal e náusea relacionada à quimioterapia. Estes estudos favoreceram coletivamente o gengibre sobre o placebo

Fonte: Efficacy of ginger for nausea and vomiting: a systematic review of randomized clinical trials, British Journal of Anaesthesia


Gengibre pode reduzir o risco de câncer colorretal?

Em um estudo de 30 indivíduos, 2 gramas de extrato de gengibre por dia reduziram significativamente as moléculas sinalizadoras pró-inflamatórias no cólon. No entanto, um estudo de acompanhamento em indivíduos com alto risco de câncer de cólon não confirmou esses achados.

Fonte 1: Phase II Study of the Effects of Ginger Root Extract on Eicosanoids in Colon Mucosa in People at Normal Risk for Colorectal Cancer, Journal of Clinical Oncology

Fonte 2: Pilot clinical study of the effects of ginger root extract on eicosanoids in colonic mucosa of subjects at increased risk for colorectal cancer, Molecular Carcinogenesis


Gengibre alivia a dor muscular?

Gengibre é provavelmente eficaz no tratamento da dor muscular induzida pelo exercício físico. Em um estudo, consumir 2 gramas de gengibre por dia, durante 11 dias, reduziu significativamente a dor muscular em pessoas que realizavam exercícios na região do cotovelo. O estudo demonstrou que o consumo diário de gengibre cru e/ou tratado termicamente resultou em reduções moderadas a grandes na dor muscular após lesão muscular induzida por exercício

Fonte: Ginger (Zingiber officinale) reduces muscle pain caused by eccentric exercise, The Journal of Pain

Em outro estudo semelhante, os cientistas compararam o que aconteceu quando os indivíduos consumiram dois gramas de gengibre ou um placebo um dia e dois dias após o exercício. O gengibre pareceu não ter efeito logo após a ingestão. Mas foi associado com menos dor no dia seguinte, levando à conclusão de que o gengibre poderia atenuar a progressão diária da dor muscular.

Fonte: Acute effects of dietary ginger on muscle pain induced by eccentric exercise, Phytoterapy Research


GENGIBRE FAZ MAL?

Em pequenas doses, o gengibre tem poucos efeitos colaterais. Altas doses de gengibre – mais de 5 gramas por dia – aumentam as chances de efeitos colaterais. Gengibre na pele pode causar  erupções cutâneas.


Gengibre pode causar sangramentos?

Tomar gengibre pode aumentar o risco de sangramento hemorrágico. Gengibre aumenta o risco de sangramento ao interagir com drogas antiplaquetárias por inibir a agregação plaquetária e inibir a fibrinólise. Também potencia a varfarina (anticoagulante).

Fonte: Herbal medicines: anticoagulation effects, OpenAnesthesia


COMO UTILIZAR O GENGIBRE?

Guarde o gengibre fresco em um saco plástico bem fechado na geladeira ou no freezer, descasque-o e rale-o antes de usá-lo. Adicione a qualquer prato que desejar, para um sabor extra.

Para mais formas de utilizar o gengibre na culinária, acesse nosso artigo: Gengibre | Temperos