Moringa | Moringa Oleifera

moringa oleifera

Moringa é um tipo de árvore, nativa da Índia e do Sul da Ásia. Moringa está crescendo em popularidade devido à sua reputação como uma planta adaptogênica – uma substância que ajuda a equilibrar o metabolismo do corpo e, assim, ajuda a reduzir o estresse. Como os consumidores buscam cada vez mais alimentos e bebidas que podem fazer algo por eles, os ingredientes adaptogênicos estão se tornando mais centrais para o conceito de “alimentação funcional”.

Moringa está no estágio inicial. É considerado um ingrediente premium que pode ser encontrado principalmente em menus finos e em restaurantes étnicos.

Quase todas as partes da árvore são consumidas ou utilizadas como ingredientes em medicamentos tradicionais à base de plantas. Isso se aplica especialmente às folhas e vagens, que são comumente consumidas em partes da Índia e da África.

Nos países ocidentais, as folhas secas são vendidas como suplementos dietéticos, em pó ou em cápsulas.

Até o momento, estudos mostram que a Moringa oleifera pode levar a reduções modestas do açúcar no sangue e do colesterol. Pode também ter efeitos antioxidantes e anti-inflamatórios e proteger contra a toxicidade por arsênico.

Informações nutricionais da Moringa

Folhas de moringa são uma excelente fonte de muitas vitaminas e minerais. Uma xícara de folhas frescas picadas (21 gramas) contém:

Proteína: 2 gramas
Vitamina B6: 19% do VDA (valores diários recomendados)
Vitamina C: 12% do VDA
Ferro: 11% do VDA
Riboflavina (B2): 11% do VDA
Vitamina A (do betacaroteno): 9% do VDA
Magnésio: 8% do VDA

No entanto, há um lado negativo: as folhas de Moringa também podem conter altos níveis de antinutrientes, o que pode reduzir a absorção de minerais e proteínas. Outra coisa a ter em mente é que tomar suplementos de Moringa oleifera em cápsulas não irá fornecer um grande número de nutrientes. Os montantes são insignificantes em comparação com o que você consome se você comer uma dieta equilibrada com base em alimentos integrais.

Em comparação com as folhas, as vagens são geralmente mais baixas em vitaminas e minerais. No entanto, elas são excepcionalmente ricas em vitamina C. Uma xícara de vagens frescas e fatiadas (100 gramas) contém 157% de sua necessidade diária.